top of page

Buscando o triunfo contra o Bragantino, Ratão declara: 'temos que impor nosso jogo'

Atacante conta com o fator casa e diz que a equipe irá buscar o gol a todo momento

Foto: Rafael Machaddo/ EC Bahia

O jogo contra o Bragantino neste domingo (20) irá marcar o início de segundo turno do Brasileirão. A situação do Tricolor é delicada, na 16ª posição com os mesmos 18 pontos do Santos, primeiro time dentro do Z-4.


O recém chegado Rafael Ratão concedeu entrevista coletiva na manhã desta sexta-feira (18) no CT Evaristo de Macedo. O atleta já fez dois jogos e na sua primeira partida como titular, contra o América, balançou as redes.


Ratão chega ao Bahia diretamente da França, mais especificamente do Toulouse. Lá, em duas temporadas o atleta soma 25 participações em gols e dois títulos (Ligue 2 e Coupe de France). Ele é um ponta de ofício que atua na extremidade esquerda do campo. Quando apresentado pelo Diretor Carlos Santoro foi dito que ele também poderia fazer a função de centroavante. O atleta comentou sobre o assunto.


“Ter ganhado título na França foi muito importante, bagagem importante, mas tem que colocar em prática aqui, fazer todos os dias. Sobre meu perfil, qual lado gosto de jogar, não tenho preferência. Joguei de ponta esquerda, direita, alguns jogos fui centroavante. Claro que tem os dois centroavantes aqui, Everaldo e Mingotti. Se o professor precisar eu atuo nessa posição, mas respeitando os da posição, que têm muita qualidade. Everaldo tem 14 gols. O importante é ajudar o Bahia.” Disse.


O Bahia tem apenas 18 gols marcados em 19 jogos. É o terceiro pior ataque da competição, atrás apenas de Goiás e Coritiba. Ratão respondeu qual o caminho ideal para mudar essa situação.


“Quando eu cheguei aqui foi um dos pontos que comentaram comigo, que o Bahia está precisando de gols. Não tem o que fazer, é continuar trabalhando. Nosso time tem qualidade, cria, acho que falta tranquilidade na parte final do campo. Contra o América-MG fomos felizes marcando três gols, mas podemos fazer mais. No segundo turno vai ser diferente, vamos marcar mais gols. E minha chegada é para ajudar o Bahia nisso, né!? A gente vai dar um salto neste segundo turno.” Afirmou.


O Bragantino ocupa a 5ª colocação com 32 pontos e não perde há 4 jogos. O atleta respondeu como o time tem se preparado para surpreender a equipe de Bragança Paulista.


“A Torcida lógico que ajuda muito a gente, a gente sabe a força do Bahia. Dentro de casa, quando jogamos contra o América senti uma emoção muito boa, quando você vê a torcida gritando você se sente motivado. Tenho certeza que vai nos ajudar muito. Todo jogo é difícil, Bragantino tem muita qualidade, jogadores jovens, intensidade alta. Mas também vamos colocar em prática o que fazemos nos treinos. A gente joga em cima, marcando. Em casa, temos que impor nosso jogo, entrar ligados, entrar a milhão, buscar o gol sempre, como foi contra o América-MG. Entrar nessa pegada, com esse espírito, marcando em cima para sair com um bom resultado.” Revelou.

Comments


bottom of page