Crise financeira trouxe 'desconfiança' de elenco com direção do Bahia, revela Dado

O professor falou ainda sobre a "pressão das redes" na sua saída

Foto: Felipe Oliveira / ECBahia

Ex-técnico do Bahia, Dado Cavalcanti contou quais eram os bastidores do clube no seu momento de saída da equipe. Ele foi demitido para a chegada de Diego Dabove, que durou pouco no cargo.


Para Dado, o Bahia vai escapar do rebaixamento. "O Bahia vai escapar. Se faz necessário dizer o porquê. Não é nada aleatório. Entendo que o Bahia passou por muitas dificuldades. E passei o momento mais delicado, porque culminou as dificuldades esportivas, financeiras e de gestão, que essa sequência foi absurda em muitas ocasiões e culminou com a minha saída. Mas todos sabiam que íamos passar por essa dificuldade. Era um objetivo passar, mas não consegui. Era meio de tabela, jogos difíceis, problemas financeiros por causa da pandemia. Ajustes de entradas de valores que estavam em contrato, mas não entraram. Isso trouxe uma desconfiança do elenco com a direção e dificuldades daquele meio e mudanças de foco. Pensava em salário, pois tinha dívidas. Isso sei que passou. O Bahia hoje conseguiu resolver os 85% dos problemas financeiros. Grupo de jogadores mais equilibrado, que retornou. Guto Ferreira tem uma identificação com o clube. Acredito muito que o Bahia não vai cair", disse, segundo o Yahoo Esportes.


O professor falou ainda sobre a "pressão das redes" na sua saída. " É fato que qualquer clube de massa tem blogueiros. Esses caras têm um pouco mais de ouvido, que o torcedor compactua mais com isso. Esses representantes têm mais ouvidos que a grande mídia televisiva e programas esportivos. Mensurar se é bom ou ruim, não tenho como determinar".

728x90-Campanha-BNAutos.gif