Davó se diz ‘ansioso pelo gol’ com a camisa do Esquadrão

Atacante foi perguntando se pode ser um eventual substituto de Rodallega ou até mesmo se poderia atuar ao lado do colombiano

Foto: Rafael Machaddo/ EC Bahia

Na tarde desta segunda-feira (25), no CT Evaristo de Macedo, Matheus Davó concedeu entrevista antes do treino desta tarde. O atacante comentou sobre o momento do clube e em quais posições do campo ele pode ajudar o Tricolor.


De início, Matheus falou sobre o empate contra o CSA na sexta-feira (22), e ressaltou a importância de pontuar fora de casa.


“Nós tivemos um jogo difícil em Alagoas, mas acho que esse ponto será importante com o triunfo de amanhã. Estamos bem focados, valorizamos o ponto e sabíamos que era possível sair de lá com o triunfo, mas é sempre bom pontuar fora de casa. Para fazer esse ponto valer iremos com tudo para conseguir os três pontos em casa.” Respondeu o atacante.


Davó foi perguntando se pode ser um eventual substituto de Rodallega ou até mesmo se poderia atuar ao lado do colombiano. Também lhe foi questionado se ele está a vontade atuando como um centroavante de ofício. O atacante respondeu de maneira direta:


“Com certeza é uma dor de cabeça boa para o professor. Se for para jogar nós dois juntos, sem problema nenhum.

Me sinto bem atuando como 9, foi onde aprendi a jogar. Estou aqui para ajudar o Bahia, onde precisar, eu vou estar dando 100%.” Afirmou Davó


O atacante foi lembrado da assistência que deu para Vitor Jacaré no jogo contra o Cruzeiro, mas também foram pontuadas as chances que desperdiçou até o momento. Sobre seu desempenho o atleta concluiu:


“Eu acho que o principal é fazer boas jogadas e sair com o triunfo de cada jogo. Eu me cobro muito, estou um pouco ansioso para fazer o gol, mas sei que irá sair naturalmente.”