top of page

'Ele precisa fazer acontecer e vai também ser cobrado por isso', diz Freeland sobre Óscar Ruiz

Segundo o Diretor, a situação do atleta já foi discutida internamente e que o clube dará as melhores condições para acolher o jogador

Foto: Felipe Santana/ EC Bahia

Na reunião do Conselho Deliberativo junto ao novo Diretor de Futebol Eduardo Freeland, que ocorreu na noite desta terça-feira (15), com transmissão aberta no Canal Oficial do Clube no Youtube, o Diretor foi perguntado sobre a situação do atacante paraguaio Óscar Ruiz, que reapareceu nesta semana treinando novamente junto ao elenco após quase 2 meses trabalhando separadamente.


“Primeiro levantei o histórico de quem era o jogador. É um cara que tem bastante dificuldade com a língua, bastante introvertido, e a gente tem aqui a responsabilidade de potencializar, e ele só vai conseguir se potencializar dentro do contexto. Já foi conversado internamente, entendemos que faria sentido e se ele vai ser utilizado ou não, ele que vai responder. A gente vai tentar dar as melhores condições pra ele e acolher o jogador.” Afirmou Freeland.


Eduardo deixou claro que além de estar dando mais uma oportunidade ao atleta, o próprio, ao mesmo tempo também será cobrado para mostrar uma boa performance, e que merece fazer parte do elenco.


“A gente tem que entender que o cara é ser humano. Vamos tentar acolhe-lo, tentar mostrar que ele pode ter a possibilidade de jogar e de repente ele passa a ser um cara muito importante nessa Série B. Ele precisa fazer acontecer e ele vai também ser cobrado por isso. Então com relação ao Oscar Ruiz, ele está sendo colocado de volta ao elenco, e iremos fazer o possível para que ele volte ou esteja no melhor nível de performance que ele possa alcançar.” Completou o Diretor.

bottom of page