top of page

Ex-jogadores do Bahia acionam clube na Justiça e pedem cerca de R$ 1 milhão

De acordo com apuração do Info Bahêa, as dívidas envolvendos os dois atletas já estavam previstas no cálculo de dívidas da SAF

Foto: Felipe Oliveira/ EC Bahia

Segundo informações do Bahia Notícias, dois ex-jogadores do Esquadrão acionaram o clube na Justiça nos últimos dias. O meia Índio Ramirez que atua no Atlético Nacional da Colômbia e o zagueiro Ignácio que está no Sporting Crystal, do Peru.


O meia Juan Pablo Ramírez que deixou o clube em 2021 e está cobrando do clube R$ 534.720,17 e acusa falta de pagamento de salário, 13º salário, férias e FGTS.


O zagueiro Ignácio foi titular na campanha do acesso no ano passado mas acabou não acertando sua renovação com o clube para a temporada 2023. Na ação, o advogado do zagueiro fala sobre recolhimento de FGTS, 13º salário, falta de pagamento de férias e multas. Totalizando a pedida em R$ 410.567,40.


Os dois atletas aguardam uma audiência com o Setor Jurídico do Bahia para que os problema sejam solucionados.


De acordo com apuração do Info Bahêa, tais dívidas com os atletas já estavam previstas no cálculo da dívida da SAF, vendida ao Grupo City.

Opmerkingen


bottom of page