Guto ressalta entrega de Rossi: 'Trabalhou muito'

"O jogo estava tão alucinado, e que bom que ele fez o gol, que ele começou a usar da experiência"

Foto: Felipe Oliveira / ECBahia


Autor do gol que deu o triunfo ao Bahia contra o São Paulo, Rossi ganhou elogios do técnico Guto Ferreira.


De acordo com o professor, a entrada dele foi calculada para dar mais agilidade à equipe.


"A entrada de Rossi foi em um momento em que Raí já estava cansado. Raí produziu muito, nos ajudou demais dentro da partida. Taticamente ele se transforma dentro de campo, se movimenta muito e dá um ganho de produtividade muito grande para a equipe, só que ele se destaca, como falei. Já coloquei outras vezes. Só fez uma partida inteira, os 90 minutos, e foi em uma necessidade de ir até o fim. Rossi entrou, a gente sabia que Rossi iria dar em alta intensidade de 15 a 20 minutos. Foi o que nós colocamos. Mas o jogo estava tão alucinado, e que bom que ele fez o gol, que ele começou a usar da experiência. Os últimos seis a sete minutos ele já estava afogando. Normal para quem ficou o tempo que ficou parado".


Ferreira destacou ainda a entrega do atleta, que esteve fora da equipe por conta de uma lesão.


"Mas a entrada dele, o gol dele, foi um prêmio para toda a dedicação dele, para toda a entrega dele, nesse mês e pouco que ficou fora, trabalhou muito. Em todos os jogos ele estava no vestiário apoiando os companheiros, hoje no banco estava incentivando a todos. Na hora que entrou, teve a felicidade de nos ajudar muito e de coroar nosso triunfo", completou.

728x90-Campanha-BNAutos.gif