top of page

Khaldoon Al Mubarak fala pela primeira vez sobre o projeto no Bahia; veja

Confiante, presidente do City espera ascensão do Esquadrão nas próximas temporadas

Foto: Divulgação

Na manhã desta terça-feira (20), na Inglaterra, foi divulgada a segunda parte da entrevista de Khaldoon Al Mubarak, presidente do Manchester City Football Club e empresário. Em entrevista anual de final de temporada, o mandatário falou sobre a aquisição do EC Bahia em 2023.


Questionado sobre a expansão do Grupo City por outros continentes, Mubarak usou a história do Palermo para exaltar as expectativas que tem com o Bahia para os próximos meses e temporadas.


“Continuamos crescendo de forma muito ponderada. No verão passado, por exemplo, o Palermo se juntou ao grupo. Palermo é um clube com grande história, legado, ótima região, um grande clube, mas com anos em dificuldade. Nós entramos e agora, o Palermo passou da Série C (terceira divisão) para a Série B. Sempre temos um planejamento do que fazemos. Apoiamos o clube, colocamos a direção, montamos a academia, montamos a infraestrutura e aí o time cresce. Não vejo motivos para não esperarem Palermo muito em breve, esperançosamente, na Série A. Temos muitas aspirações para o Palermo”, analisou.


“A última aquisição foi no Brasil. O Brasil é obviamente de onde vem todo o talento, os maiores talentos do mundo saem de lá, e ter agora propriedade de um grande clube, o Bahia, que é semelhante à história do Palermo, no sentido de que tem grande história, mas nos últimos anos não colhe grandes resultados, é desafiador. Entramos e agora vamos apoiar a equipe enquanto ela sobe a escada e volta para a ótima posição, como uma das melhores equipes no Brasil. O Bahia se encaixa perfeitamente dentro do nosso Grupo. E claro, em um dos países mais importantes do mundo, no Brasil. Então, esse vai ser mais um clube muito grande dentro do Grupo e um clube que estamos gastando tempo, foco e desenvolvimento”, emendou.


Confira fala completa:


Commenti


bottom of page