top of page

Paiva justifica ausências de Daniel e Mugni: "Rendimento"; assista

Treinador também comentou a saída de Acevedo do time titular contra o Internacional

Foto: Reprodução/ TV Bahêa

Após a derrota por 2 a 0 para o Internacional neste domingo (29), a quinta em oito rodadas de Campeonato Brasileiro, o treinador Renato Paiva comentou o resultado da partida e suas escolhas com relação à escalação, em entrevista coletiva, ainda no Beira-Rio. "Acho que os números são claros, os jogos são claros. Tem que continuar a manter esse nível de trabalho, porque a bola vai começar a entrar. Disso não tenho dúvidas nenhuma. Continuar a jogar nessa linha, a bola vai começar a entrar na baliza do adversário", disse.


Sobre as mudanças na equipe, Paiva simplificou e justificou a sequência de partidas: "São mudanças por uma semana novamente com três jogos. Thaciano não joga Copa. No jogo da Copa preciso de gente fresca. Chávez e Ryan, questão de refrescar", explicou. Questionado pela ausência de oportunidades aos meio-campistas Daniel e Mugni, o primeiro que sequer foi relacionado, o treinador foi enfático. "Por rendimento. Acho que o Rezende tem desde o primeiro momento que nós chegamos, mais do que justificado a titularidade. Não só pela qualidade, como também pela regularidade das exibições. O Rezende que eu me lembro, não consegue jogar mal. E com agravante que já jogou em duas posições, seja como zagueiro ou meia", finalizou.

Confira coletiva completa:


Comments


bottom of page