‘Vai ser guerra’, dispara Davó sobre o jogo contra o Tombense

Atleta se diz contente por ter desencantado com a camisa do Esquadrão, mas mantém foco no acesso

Foto: Rafael Machaddo/ EC Bahia

O entrevistado na manhã desta segunda-feira (23), no CT Evaristo de Macedo, foi o atacante Matheus Davó, autor dos dois gols do Tricolor no triunfo sobre a Ponte Preta na sexta-feira (20).


Davó comentou sobre o fato de ter desencantado com a camisa do Esquadrão, e ainda afirmou que foram dois gols muito especiais.


"Não imaginava que seria tão especial. Da forma que foi, da vontade que foi, foram gols especiais, principalmente na lotação máxima que pude jogar na Arena. Foi muito especial e estou muito feliz", afirmou o atacante.


Sobre o fato do atleta poder deslanchar na equipe e se tornar um possível artilheiro do Tricolor, o atleta foi muito maduro e mostrou personalidade ao dizer que o mais importante é o objetivo final do grupo como um todo, que é voltar à elite do futebol brasileiro.


"É importante os gols saírem, mas o mais importante é ajudar o Bahia. Um dia vou fazer dois gols, outro atacante vai marcar, mas o importante é todos juntos no mesmo objetivo", pontuou.


Quando questionado sobre a próxima partida, Matheus mostrou saber das fragilidades do adversário, mas que não será um jogo fácil.


"Um adversário que não conseguiu muitos pontos, mas é nesses jogos que temos que entrar focados. É o jogo da vida deles. Quando enfrentam equipes como o Bahia, é um jogo visado. É uma viagem cansativa, vai ser guerra. Vamos chegar lá preparados para buscar o triunfo" concluiu Davó.