Bahia treina bolas paradas e está pronto para o duelo pela Copa do Brasil

Sem poder contar com Rildo, Guto Ferreira terá Raí, Jacaré e Davó como opções para as pontas

Foto: Letícia Martins/ EC Bahia

O elenco Tricolor esteve presente na tarde desta terça-feira (21) no CT Evaristo de Macedo para ajustar os últimos detalhes antes da partida contra o Athletico Paranaense amanhã (22) às 19h30, na Arena Fonte Nova. Confronto será válido pela partida de ida da Copa do Brasil, a definição da vaga se dará no dia 12 de julho, na Arena da Baixada, às 20h30.


Após uma semana cheia de muitos treinos e preparações o grupo começou o dia de hoje fazendo uma atividade de aquecimento no gramado sob o comando do preparador físico Valdir Júnior.


Em seguida, o técnico Guto Ferreira e o auxiliar André Luís realizaram um trabalho específico de bolas paradas, visando os pontos fracos do adversário.


Os atletas do time titular foram liberados mais cedo, enquanto os demais realizavam um exercício em campo reduzido sob o comando do auxiliar Alexandre Faganello.


O zagueiro Didi e o atacante Rildo fizeram trabalhos na academia e o volante Emerson Santos fez um trabalho com bola separado dos demais.


Os três atletas não podem atuar pelo Esquadrão na Copa do Brasil pois já jogaram a competição por outras equipes.


Com a ausência de Rildo, uma vaga fica em aberto no ataque Tricolor. Guto terá à disposição os atletas Davó, Raí, Jacaré, Everton e até mesmo o lateral esquerdo Luiz Henrique, que já atuou pelo Bahia na posição.


O meia Marco Antônio deu continuidade ao tratamento de sua lesão.